Quarta-feira, 24 de Agosto de 2005

O Último dia...

Quarta feira, 17 de Agosto


Este dia foi triste porque ...era o último dia.


Como o avião partia às 5 da tarde e tínhamos de abandonar os quartos até às 11 da manhã decidimos que a manhã seria dedicada a passear pelas Ramblas e (eu) a fazer umas "comprinhas" de última hora.


Fomos para as Ramblas depois de guardar as nossas malas nos cacifos da pousada e aproveitamos o facto de ainda não estar muita gente para ver com mais atenção as atracções que nos aguardavam. Se um dia forem a Barcelona vão à parte final das Ramblas (junto à rotunda de Colón)e procurem um senhor que faz maravilhas com uma marioneta de um esqueleto. É divertidíssimo!


Passados uns minutos consegui convencer o pessoal a fazer um "pequeno" desvio pelo bairro gótico pois queria comprar uma caneca que tinha visto lá no dia anterior. Como o Nélson estava um pouco cansado ficou à nossa espera nas Ramblas. Andamos cerca de meia hora para descobrirmos que podíamos ter feito aquele caminho em 10 minutos.


[O pessoal ficou um pouco chateado, menos eu (era eu que estava a guiar o pessoal) afinal estar perdido no meio de uma cidade como Barcelona não é assim tão mau, pois não???]



bgotico1.jpg


Quando já estávamos a voltar a Carla teve uma notícia que a fez querer voltar logo para Portugal: "Já falta pouco para seres tia...".


Com os nervos um pouco mais acelerados fomos almoçar e depois fomos buscar as nossas coisas à pousada. Metemo-nos no metro, depois no comboio e ... Chegamos ao aeroporto.


No aeroporto procuramos o local para fazer o check-in e como faltava pouco estávamos um pouco nervosos. Até que um funcionário velhote se disponibilizou para nos ajudar. Ok, porreiro... Primeiro ele pega no meu passaporte, pergunta-me o número da reserva e depois diz que só há 3 lugares disponíveis no avião, quando nós somos 4.... PÂNICO!!!!
- Mas, isso não é possível. Nós já pagamos os bilhetes!
- Eu tenho de ir hoje para casa!
Até que reparamos que uma senhora nos chama para fazermos o check-in com ela. O ar dela era muito mais credível e convencemos o velhote a deixar-nos mudar de balcão. Mas ele esqueceu-se de me dar o passaporte! Pedi-lhe o passaporte, a senhora dá-nos os bilhetes e eu pego no carrinho com as malas e vamos disparados para a porta de entrada. A senhora do check-in chama por nós e percebemos do que nos tínhamos esquecido: as malas!!!!
Voltamos para trás, registamos a bagagem e saímos disparados para a porta de entrada.


A partir daí correu tudo de forma normal e calma. A viagem foi muito melhor pois desta vez foi de dia e ficamos junto à janela, dando para ver uma paisagem espectacular. Quando estávamos a chegar a Vigo a paisagem era bem diferente: mais árvores, mais fumo e um aeroporto construído no meio dum monte. GLUP!... A aterragem foi rápida e ao fim de alguns minutos estávamos já em terra firme. Pegamos no carro e rumamos para casa.


Era assim que acabava uma viagem de sonho...


publicado por mrconguito às 16:35
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.Agosto 2005

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12

14
18
20

21
22
25
26
27

28
29
30
31